terça-feira, 1 de julho de 2014

The Secret Garden - Capitulo 16


Capitulo anterior:
[...]
- Drogado?! Como assim?!




Os pais somente podem dar bons conselhos e indicar bons caminhos, mas a formação final do caráter de uma pessoa está em suas próprias mãos." - Anne Frank






Capitulo 16 - Don't Let Me Go




 Narradora P.O.V's 

- meses depois -

 Olhando para trás o tempo passou tão rápido como estrelas cadentes. 
 Coisas realmente intrigantes assolam o grande palco de mistérios, a cidade de Albany. Zayn está totalmente perdido nas drogas, o pior é que isso vem acontecendo há muito tempo e agora ele sumiu de vez. Seus pais vieram para Austrália e foram à procura dele, mas até agora nada. A polícia não tem indícios algum. Todos anseiam por notícias precisas, mas Malik desapareceu completamente.
 Bianca está se recuperando aos poucos com a ajuda de seu primo Guilherme. E se ela se apaixonou de novo ninguém sabe, mas o seu amor por Igor se multiplica como família de coelhos.
 Liam Payne está com o coração partido, acredita ele que nunca terá Seunome ao seu lado. Para ele tudo aconteceu tão rápido. E a pergunta ecoa em sua mente: Não foi a beleza, a inteligência e muito menos a riqueza. Então por que? 
 Harry Styles já estava começando sua carreira artística, tudo aconteceu depois que depois que o Sr. Timberlake ouviu uma gravação sua. Ele fez uma pequena gravação no estúdio do Justin que irá passar em breve num programa da cidade mesmo.
 Além disso, o garoto está desconfiado do que acontece dentro da casa dos Timberlake's, cada encontro com Seunome é um verdadeiro desencontro. Ela vem guardando segredos que o deixa confuso e indagado. E então algo de lhe tirar o fôlego ocorreu, um encontro inesperado na escola Collins High School...

 Seunome Timberlake P.O.V's 

 O sinal para o recreio soou e todos se levantaram e foram se encontrar com seus amigos e mais uma vez eu vou ficar sozinha nesse lugar imundo de pessoas, literalmente, vazias. Desde que Bianca sofreu o acidente esse lugar não foi o mesmo (apesar de eu ter pouco convivido com ela).
 Eu não me importo em ficar tanto tempo aqui debruço na sala, desde que alguém não me atrapalhe, porém fui obrigada a sair para o pátio.
 Me aproximei de Harry e sentei ao seu lado, ele me envolveu em seus braços em um forte abraço e eu retribui com um sorriso. Apesar dele estar me tratando com um pouco de desdém, o coração dele amolece na maioria das vezes e acaba nesses atos carinhosos.
- Oi, Harry -disse enquanto ele acariciava os meus cabelos.- Tudo... -então fui interrompida por ele.
- Eu não estou acreditando no que os meus olhos estão vendo! -ele exclamou em um tom alto e me soltou. Um gelo percorreu minha espinha, eu pensei que Liam estava fazendo alguma bobeira do jeito que é meio acéfalo, mas não.
- Haroldo, você está bem? -perguntei, então uma garota baixa e aparentemente ruiva sugou toda atenção dele. Eu precisei dar-lhe uns tapinhas nas costas para ele acordar para vida.- Harry, fecha boca se não entra mosquitos.
- Oh, Samantha, você por aqui? Pensei que não voltaria mais, ainda mais agora que estamos na etapa final e daqui algumas semanas tem o baile de formatura. -ele falou sem tirar o sorriso do rosto.
- Pois é, não deu muito certo naquela cidade. Voltei pra te atormentar de novo! -os dois riram e eu fiz uma careta.
- Oi, eu sou a Seunome, prazer, Samantha. Vou ali com o Justin, até mais e juízo. -dei um beijo na bochecha do Harry como provocação e ela entendeu porque virou os olhos.


 Pensei que ele iria segurar meu braço e insistiria para eu ficar ao seu lado, só que em um piscar de olhos ele nem sabia mais o meu nome. Eu vou começar a marcar essas coisas, talvez uma bela vingança lhe espera.
 Sorte que o sinal bateu antes mesmo de eu chegar no grupinho do Justin, que aliás, não estava lá. Eu não sei o que acontece com essas pessoas que faltam, faltam e faltam. Acho que ficam o dia inteiro na esquina esperando um bofe rico os tirar dessa vida, como no filme Uma Linda Mulher.
 Tá, parei.
 . . .
 Hoje mais cedo na aula de biologia, o Sr. Buskers pediu para que fizéssemos par para um trabalho idiota qualquer e adivinhem. Aquele mostra estava na nossa sala, produção, e sim, Harry a escolheu para fazer par. Para mim foi o ápice, mas tudo bem, não vou relevar a burrice de Styles.
 Agora estou andando com passos largos para que ele não me alcance. Que dia!
- SEUNOME! Caramba, me espera, que bicho te mordeu hoje? -ele berrou lá de trás. 
 Parei e suspirei fundo. Esperei ele chegar perto para eu explodir.
- Que bicho me mordeu? Sério? Harry, por favor. -falei- Dormiu com o Bozo, porque está muito piadista para o meu gosto, tá parecendo um bobo alegre, principalmente quando aquela baranga chegou, quer dizer, quando a Samantha chegou. 


- Oh, não brinca! Você está com ciúmes, Seunome? Sério isso? Ta falando sem brincadeira? -ele questionou sem parar.
- Harry querido, não se iluda -segurei o seu rosto- Agora me deixa um pouco em paz, por favor.
- Seunome, espera! Eu preciso te mostrar uma coisa antes de você ir, um presente. -ele começou a vasculhar a sua mochila.
- Não, dá para a Samantha, quem sabe, não é? -arqueei a sobrancelha e voltei a andar.
- Tudo bem, então, Seunome, se quer assim, assim vai ser. Ah, não se esqueça que hoje passará minha gravação no jornal. -Haroldo disse e entrei em casa.

Liam Payne P.O.V's 

 Estava saindo da escola quando fui barrado por Danielle e as amigas dela.
- Oi, amor! -ela disse e venho me beijar, mas desviei.- Liam, eu não estou entendendo o que está acontecendo, isso está se tornando ridículo. Já sei, foi aquela coisinha chamada Seunome que está te fazendo ficar desse jeito comigo, não é?
- Do que você está falando, Danielle? Não mete a Seunome onde não deve, agora que essa situação se tornou extremamente ridícula. -falei.
- Estão vendo, garotas. Provei para vocês que ela está fazendo a cabeça dele. Brittany, me passe aquelas fotos que eu te dei no começo das aulas. -ela ordenou e eu congelei.
. . .

 Seunome Timberlake P.O.V's 

 Percebi que a casa estava silenciosa, Liam deve ter chegado já que sua moto estava na garagem. Fui ao seu quarto e vi que ele estava escrevendo alguma coisa. Aproximei dele e coloquei minha mão em seus ombros. Ele recuou e me olhou com pesar no olhos. 
- Payne, você está bem? -isso foi a chave para ele desabar.
- Seunome, eu quero que você escute pela última vez o que eu vou te falar: fique longe de mim. Ah, e antes que você perguntei o por que, eu não vou te responder. Agora saia do meu quarto -ele bufou e fez um gesto para eu sair.
 Um nó na minha garganta se formou.
- Ultimamente você tem se tornando rude, Liam. -falei e caminhei até o meu quarto, sem dizer palavra alguma. 
 Suspirei, joguei minha mochila em cima da escrivaninha e liguei a televisão para assistir Good Afternoon Australia, porque passaria a gravação de Harry. Logo começou...


Harry: "Primeiramente queria dedicar essa música a uma pessoa que me inspirou para compô-la. Ela me disse há algum tempo atrás que se eu me tornasse famoso não era para eu esquecê-la. Mas como eu vou ser feliz sem ela? Procuro respostas. Seu nome estará selado em meus lábios para sempre. Espero que gostem do meu som e me desculpem por esse começo meio meloso... A música se chama Don't Le Me Go...

Now you were standing there right in front of me
I hold on scared and harder to breath
All of a sudden these lights are blinding me
I never noticed how bright they would be
(...)"

 Me assustei com o Styles na porta do meu quarto, enxuguei minhas lágrimas para ele não perceber que eu estava emocionada.
- Gostou da minha surpresa para a Samantha? -Harry disse e sorriu.
 Corri para abraçá-lo e ele me girou no ar.
- Você tem que parar de ser assim: tão fofo, tão amável e tão besta, Harry? Eu te amo. -sussurrei em seu ouvido e ele me abraçou mais forte.- Eu não sabia que ciúmes tinha gosto, me desculpe por ter sido infantil.
- Shiu! Não precisa se desculpar, somos seres humanos e estamos dispostos à todos os tipos de erros. Mas agora responda minha pergunta: gostou da minha surpresa?
 E então celular de Harry começou a tocar sem parar...

Continua...

 Amores, desculpa por ter feito vocês esperarem mais de meses por esse capitulo e ele não estar aquelas coisas (e ainda por cima curto). Eu não queria fazer vocês esperar mais. Espero que tenham gostado. Amo vocês e qualquer coisa e só me falar :)Xx.


11 comentários:

  1. Oq posso comentar? Bem, eu li mais de 5 vezes o capítulo só pra matar a saudade... Mas ñ adiantou (só um pouquinho hehe) pq eu quero mais, mais, e mais pfvr! E posso dizer q valeu toda a ansiedade, ficou ótimo! Entããão... realmente espero q o próximo capítulo saia logo! Bjos.
    Ps: Amo essa fic, amo você, amo o blog <3 <3 <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 5 VEZES?! Alright, isso é incrível, você fez o meu dia. Fico até sem palavras para descrever o que estou sentindo agora haha. Obrigada de verdade, Nara. Claro, ele sairá em breve. Amo você :DXx

      - Nath

      Excluir
  2. Kra, amo mto suas fics, posta mais logo plz!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Posto sim, essa semana sai mais capitulos :)xx

      - Nath

      Excluir
  3. Achei q tivessem de férias, pq n tao postando?? u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha, estou sim, babe. É que eu não estou muito bem e com alguns problemas. Me desculpa, vou postar essa semana ou talvez no fim de semana. Isso é só uma parada, mas eu volto em em breve. Me desculpe :)xx

      Excluir
  4. Que maravilhosa essa Samantha, meu deus. Baranga é a seunome, essa Sam é tão linda e fofa. Não é culpa dela se o Harry pira nela. Torcendo pra eles ficarem juntos. Samantha é a melhor da fic inteira, bjaum.

    Andy ��

    ResponderExcluir
  5. Samantha e Harry, andando na praia, pelados, pelados, pelados.

    ResponderExcluir
  6. Cara que volta em greve vc parou a muito tempo que saco da para continuar ?

    ResponderExcluir